Obras básicas do espiritismo

Codificação espírita

A Codificação Espírita é um conjunto de obras escritas por Allan Kardec na França no século XIX. A Codificação é composta por cinco livros, que foram escritos e publicados em um intervalo de onze anos, entre 1857 e 1868.

Para a orientação dos seguidores do Espiritismo, Hippolyte Léon Denizard Rivail editou cinco livros básicos, conhecidos como Pentateuco Kardequiano. Neles, reuniu os ensinamentos da Espiritualidade superior, analisando-os e codificando-os, de forma a ficarem claros e interessantes. Os livros são:

  1. Livro dos Espíritos (1857);
  2. Livro dos Médiuns (1861);
  3. Evangelho Segundo o Espiritismo (1864);
  4. O Céu e o Inferno (1865);
  5. A Gênese (1868).

O Livro dos Espíritos

O primeiro livro a ser publicado é o chamado Livro dos Espíritos, que consiste em uma série de perguntas formuladas por Allan Kardec e respondida por espíritos. Dos cinco livros fundamentais que compõem a Codificação do Espiritismo, este foi o primeiro, reunindo os ensinos dos Espíritos Superiores através de médiuns de várias partes do Mundo. Ele é o marco inicial de uma Doutrina que trouxe uma profunda repercussão no pensamento e na visão de vida de considerável parcela da Humanidade, desde 1857, data da primeira edição francesa.

Livro dos Médiuns

Reúne “o ensino especial dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o mundo invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os tropeços que se podem encontrar na prática do Espiritismo”. É um manual indispensável para todos aqueles que queiram participar das atividades mediúnicas, ou simplesmente queiram conhecer a natureza e os mecanismos da mediunidade.

Evangelho Segundo o Espiritismo

Nesta obra você vai encontrar o ensino moral do Cristo Jesus para os cristãos de qualquer crença, desenvolvido pelos Espíritos de Luz em comunicações mediúnicas recolhidas, organizadas, comentadas. é um verdadeiro manual de vida onde você poderá encontrar profundos apontamentos sobre os ensinamentos morais do Cristo e sua aplicação às diversas situações da vida.

O Céu e o Inferno

Seu principal escopo é explicar a Justiça de Deus à luz da Doutrina Espírita. O Céu e o Inferno, ou A Justiça Divina Segundo o Espiritismo, é um livro espírita francês. Da codificação de Allan Kardec, foi publicado em Paris em 1º de agosto de 1865. É uma das obras básicas do espiritismo.

A Gênese

É um livro que, conhecido e estudado, proporciona uma oportunidade excepcional de imersão em grandes temas de interesse universal, abordados de forma lógica, racional e reveladora. O Espiritismo e a Ciência completam-se um ao outro. A Ciência, sem o Espiritismo é impotente para explicar certos fenômenos apenas pelas leis da matéria; o Espiritismo, sem a Ciência, ficaria sem suporte e comprovação.